domingo, março 7

Aprendendo com Você



Com você, meu amor, tenho aprendido muito ao longo desses dezoito meses namorando. Que "é alí pertinho" fica há apenas 30 minutos de moto. Que nada é tão bom assim se não for "pra caralho".  E que posso chegar horas atrasada em uma festa ou visita, porque a diversão das pessoas, se eu treinar e for como você um dia, eu é quem vou promover. Que se eu estiver estressada, ou não estiver a fim, simplesmente posso fingir que é sábado! Também que eu posso hipnotizar as pessoas (e, quiçá, dominar o mundo) se eu for agente de empréstimos. 


Que eu nunca devo pagar adiantado ao guri do estacionamento. A detectar cheiro de maconha a 100 anos luz de mim. Que se exagerar não tem a menor graça. Que risada boa mesmo vem do útero. Que a melhor pizza do mundo fica alí, em Cajazeiras.


Que "nescau" gostoso de verdade se escreve com "x", seguindo a pronúncia, e é servido com a colher dentro. Fui capaz de compreender o filme mais espetacular do mundo foi o último que assisti. E também o penúltimo. E também o antepenúltimo. Que o melhor calmante é um incenso e um jogo de velas. Que pessoas também hibernam. E, claro, que a única pessoa que precisa saber que sou foda sou eu mesma. Os outros saberão por consequencia.


Tenho aprendido tanto convivendo contigo... Descobri que tempo e intensidade não se relacionam. Que não podemos ter medo de tentar o novo. Já começo a entender que dar o melhor de mim já é o suficiente. Que eu só lembro da letra e das notas das músicas quando estou em casa ou quando você já pegou no sono. Aprendi que meu ego já se satisfaz com aprendizado e que és uma grande amiga.


Aprendi, mow, que as pessoas não tem de tirar coisas das outras e sim acrescentar sempre. Aprendi que fome e sede se sacia fazendo amor. Depois de tanto dizer que você fala muito, descobri que também posso falar muito. Aprendi que podemos ser o mundo da outra, sem que transformemos a outra em zumbis emocionais.

Aprendi e aprendo tanto contigo, e de muitas coisas não tenho plena consciência. 

Mas uma coisa é certa: eu tenho razão, e  você, só as vezes. (risos)

TeAmo...

Nenhum comentário: